Estilo Infinito!

Sorry, não resisti ao trocadilho infame! Os Vingadores: Guerra Infinita, o filme mais esperado do ano estréia amanhã, 26 de abril, e  o mundo inteiro está desesperado para saber o que vai acontecer quando Thanos chegar por essas bandas…. Mas dia 24 teve premiere em Los Angeles com o clássico purple carpet da Marvel e muitos looks lindos, olha só:

Angela Basset – Rainha Ramonda
Brie Larson – (futura) Capitã Marvel
Danai Gurira – Okoye (Dora Milaje)
Elizabeth Olsen – Feiticeira Escarlate
Evangeline Lilly – Mulher Vespa
Gwyneth Paltrow – Srta Pepper
Letitia Wright – Shuri
Scarlet Johansson – Viúva Negra
Pom Klementieff – Mantis
Zoe Saldana – Gamora

As supergirls investiram em looks com macacões e calças e vestidos que saíram um pouco do clássico de red carpet. Zoe Saldana e Angela Basset pra mim foram as mais incríveis, mas o vestido vermelho de Danai Gurira merece uma menção honrosa! Eu, que não gosto de vermelho, estou aqui apaixonada!

Eu estou aqui contando os minutos para ver esse filme. A expectativa é a mais alta possível! Afinal são 18 filmes e 10 anos de Universo Cinematográfico Marvel que, pela primeira vez junta todos os heróis e seus mundos em um filme só. Então só vem #Avengers

SPFW | Água de Coco

Faz muito tempo que não faço cobertura de semana de moda por aqui. Por falta de tempo e por achar um pouco mais do mesmo: looks, tendências, apostas, etc. Assim como a maiorias das blogueiras e canais de moda fazem. Daí cansei. Não via tanto sentido em colocar aqui (uma das coisas que mais mudaram na concepção do que eu quero pra esse espaço é que postar só por postar não faz sentido, então por que fazer?).

Mas essa temporada vou abrir uma exceção para o desfile incrível da Água de Coco no último sábado: além de peças maravilhosas e super usáveis (depoimento de um amigo que estava na primeira fila do desfile), teve um casting diverso e empoderador e Anitta!

Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE
Agua de Coco por Liana Thomaz
SPFW N45
Verao 2019
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

Anotações para o verão 2018/2019: babados e cores intensas! A Água de Coco é de longe uma das grifes que mais me identifico quando o assunto é biquíni: as peças são bonitas mas sem grandes complicações ou detalhes que deixam difícil de usar. É biquíni, sunga, maiô, com uma graça aqui, uma informação de moda acolá, mas completamente possível e usável e totalmente desejável!

Corzinha de Saúde

Eu não sei de vocês, mas eu SEMPRE tive dificuldade para usar blush. Nunca encontrava um tom bacana. Os rosas eram pálidos demais, os pêssegos não combinavam… Enfim usava um pó bem bronze ou um batom vinho com batidinhas. Além de ter pouquíssimas ou nenhuma referência de maquiagem na TV ou nas revistas para me inspirar.

Mas graças a Deusa o tempo passou e as coisas mudaram muito! Hoje temos muita, mas muita mulher linda pra gente acompanhar! Ontem mesmo fiquei assistindo uma live da Taís Araújo no Instagram enquanto ela era maquiada para a capa da Boa Forma de maio pra aprender mais. Mas o mercado também oferece boa quantidade de produtos pensados para mulheres negras. Ainda não é o ideal mas vejo que aos poucos, estamos caminhando. Finalmente as empresas de cosméticos se ligaram para o potencial de consumo de 8,2% da população brasileira, que precisa de produtos pensados para as suas necessidades. Porque apesar de sermos iguais, somos diferentes. Então por que nossas maquiagens devem ser iguais?

Geralmente a pele negra tem o subtom quente, por isso tons terrosos e avermelhados são os mais indicados. Mas se você é como eu que tem o subtom de pele frio, pode apostar em tons fechados como uva, beterraba e afins.

 

Esses são os meus: da Vult 12 (um tom de pêssego mais coral) e 09 (uva), da MaxLove 20 Buffer (roxo beem escuro) e da Luislance (Duo Secret cor C) que basicamente uso o tom mais avermelhado. Gosto de usar tons mais quentes no verão e mais escuros no inverno pra dar um efeito mais bronzeado ou mais avermelhado de frio. Mas sempre de forma leve e natural porque blush marcado não combina comigo.

Mas dá pra ir muito além do que o básico: rosas mais claros e luminosos, laranjas, vermelhos intensos… Tudo é uma questão de tentativa e adaptação. Se você curtiu use e seja feliz! A maquiagem é pra ser divertida e não uma regra, ok? 😉

Test Drive | Lavitan Hair Mais

Comecei a tomar o Lavitan Mais Hair em 28/02 depois de ver vários comentários falando muito bem do produto. Como eu tenho pouco cabelo, fios com química e já estava pensando em trançar, decidi investir em um complemento vitamínico focado nos fios. Usei por 30 dias e o resultado foi super positivo para as unhas: ficaram muito mais fortes e cresceram muito mais rápido! Mas eu nunca tive problemas com elas, aliás o crescimento delas é bem bacana e desde que eu comecei a usar a base da Casco de Cavalo nunca mais tive problemas (elas quebram as vezes sim, mas quando o impacto é muito forte, nunca mais quebraram por fraqueza).  Já nos fios, confesso que não vi a menor diferença nem no crescimento dos fios, nem na diminuição da quebra.

Resultado: aprovado em partes. Funcionou muito bem para as unhas, mas para o cabelo que era o meu foco, não rolou! 😦

Trancei, e agora?

Pois então, trancei o cabelo!!

Uma semana depois (foram mais de 8 horas sentada ), ainda estou sentindo o couro cabeludo um pouco dolorido, mas já está ótimo! As tranças foram feitas bem firmes para não soltar com facilidade… Mas e agora, cuida como?

Das outras vezes que tinha trançado o cabelo seguia um ritual de lavar o cabelo 1 vez por semana, diluindo o shampoo na água antes de passar nos fios e secar bem. Os cuidados continuam basicamente os mesmos, mas recebi um passo a passo incrível (obrigada Jhoy) de como lavar as tranças sem danificar:

  • Enxaguar bem o cabelo;
  • Não usar condicionador (depois que seca fica parecendo caspa);
  • Tirar o máximo possível de umidade com a toalha (várias) e secar o cabelo totalmente, seja no sol ou no secador (o cabelo úmido além de proliferar fungos, pode causar caspa de verdade e mofar!!);
  • Evitar usar água quente, principalmente se o fio utilizado não apropriado para temperaturas mais altas.

E por falar em fio, eu usei o cabelo jumbo, na cor 2. Ele suporta temperaturas mais altas e é um dos mais leves do mercado. Pra trançar todo o cabelo usei praticamente 3 pacotes (minhas tranças são mais finas).

Mas e o seu cabelo Laise, ta como? Então, ele tá em danificado e fragilizado. Com certeza vai quebrar muito quando eu destrançar, mas já estou preparada pra isso! O que eu estou fazendo é usar produtos que auxiliem no crescimento dos fios com fortalecedores. Agora estou usando o Tônico para Fortalecimento de Cabelos Queratrix da Gota Dourada e o Lavitan Hair e Unhas. O tônico eu coloquei em um spray pra facilitar a aplicação e aplico dia sim dia não na raíz. Já a vitamina, também estou tomando diariamente e comecei bem antes de trançar (contei lá no instagram, já está me seguindo? @lavieenfucsia). Já vi alguns resultados, mas isso é assunto para outro post!

Agora é cuidar e curtir as tranças e todos os visuais que elas me oferecem. Mas estou amando muito essa fase medusa!

Por uma beleza LIVRE!

Adivinha quem está com cabelos novos? Sim, eu mesma! Pela primeira vez na vida estou usando tranças soltas no cabelo e estou AMANDO!

Mas como é que eu cheguei aqui? Quem acompanha o blog sabe, mas eu sempre alisei os fios. Em 2014 o cabelo estava muito fragilizado e eu cansada do combo escova + prancha, então resolvi trançar os fios para deixá-los crescerem naturalmente.

Numa tentativa de deixar os fios mais naturais fiz o Super Relaxante do Beleza Natural na busca por cachos bonitos e saudáveis. Meu cabelo ficava frisado (meu tipo de cabelo, 4C não faz cachos), mas com uma curvatura bacana.

Mas depois de um certo tempo, creio que, entre alguns motivos a forma de aplicar a química, os fios foram ficando cada vez mais finos e lisos, até que em meados do ano passado não tinha forma alguma. Solução? Voltei pra chapinha, mas por pouco tempo. Busquei formas de alisar os fios sem calor: bobes e touca! O cabelo ficava com a estrutura lisa, mas com volume e movimento e eu não tinha que sofrer com a chapinha, era só lavar, colocar os bobes e deixar secar naturalmente.

Não queria voltar ao Beleza Natural por conta do preço e fui pesquisar químicas que tivessem o mesmo princípio ativo e arrisquei fazer o relaxamento em casa sozinha. Adivinha o que aconteceu? O cabelo começou a quebrar muito e o cronograma capilar não estava ajudando. Então resolvi resetar o processo. Coloquei as tranças e vou, aos poucos, cortando o cabelo para remover a química. Pra ajudar no processo de crescimento dos fios vou usar tônicos capilares, óleo de rícino e vitaminas. A ideia é usar as tranças até o final do ano, sempre dando um tempo para os fios e o couro cabeludo descansarem (já tenho uma falha do lado direito por causa de usar tranças sem pausas).

O que eu vou fazer depois? Não sei! Por mais que eu tenha muita vontade de deixar o cabelo natural, eu não me tão bem com ele crespo. Talvez um relaxamento pra deixá-lo mais solto e frisado (nem tenho a esperança de ter cachos) ou mesmo liso, mas com volume e movimento (quem vier em casa no domingo vai me encontrar de cosplay da Dona Florinda). Mas o que eu tenho certeza é que não vou me submeter a nenhuma pressão pra determinar como usar meu cabelo. Se antes havia a ditadura do liso, hoje temos ainda as ditaduras do assuma seu natural e dos cachos. Só cabe a mim decidir o que e como eu gosto que meus cabelos fiquem e acho um absurdo que as pessoas, sejam elas quem for, se achem no direito de dizer o que eu devo ou não fazer. O fato de alisar os fios não me faz menos negra. Antes de tudo sou uma mulher livre que tem o direito de escolher o que acha melhor e mais bonito pra si!

Que tal deixar os pré conceitos sobre as coisas guardadas dentro de si e deixar que as pessoas tenham liberdade para ser quem elas desejam ser?

Dia da Mulher!

8 de março. Dia internacional da Mulher.

Fiquei pensando durante um bom tempo sobre o que dizer. Poderia falar a nossa força, da nossa coragem, das nossas conquistas. Da origem dessa data (pra quem ainda não sabe, em 8 de março de 1917, mulheres russas foram as ruas protestar contra a fome e a Primeira Guerra Mundial, movimento que deu início a Revolução Russa). Mas resolvi falar sobre a palavra que talvez melhor defina o “ser mulher”: resiliência.

Segundo o dicionário, resiliência é um substantivo feminino, que é a propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação e capacidade de se recobrar facilmente ou se adaptar à má sorte ou às mudanças.

Ser mulher é se adaptar ao mundo. Mudar sua forma para fazer o que deve ser feito e conseguir voltar a sua forma original. É se transformar sem perder a essência. É enfrentar as dificuldades e não desistir.

No meu perfil pessoal do Facebook fiz questão de hoje compartilhar apenas links sobre as violências que sofremos todos os dias: física, emocional, obstétrica, intelectual, moral e tantas outras. E dia após dia, ataque após ataque, nos levantamos e seguimos em frente.

Por isso hoje, eu quero parabenizar todas as mulheres que dão a volta por cima, que não desistem, todas que lutam. E quero me solidarizar com aquelas que não conseguiram suportar o peso de uma sociedade machista, misógina e racista, que não nos trata com o respeito a que temos direito.

A essas mulheres eu quero dizer: não desistiremos! Por suas lágrimas, por seu sangue e por suas dores continuaremos lutando por uma sociedade mais justa e igualitária entre os diferentes. Para que as nossas filhas não tenham que se sentir diminuídas por nascer com dois cromossomos X.

Social Brechó

Ta precisando comprar alguma coisinha? Uma blusinha x, um vestido para aquela festa, um sapato especial? Ou então você está precisando levantar uma graninha pra fazer aquela viagem e não sabe de onde tirar? A resposta está no Facebook!

Os grupos de compra e venda no Fb não param de crescer e tem de tudo que você imaginar: de casa à antiguidades, mas o que mais gera burburinho são os grupos de desapegos. Sabe aquela roupa ou sapato que está encostado no seu guarda-roupa há anos e você não usa? Pois pode ter alguém querendo! Tem para todo tipo de corpo, gosto e principalmente bolso! Eu já fiz achados muito bons (vivo garimpando online), as últimas peças foram dois vestidos e uma blusinha linda, que custaram no total menos de R$60!

Vestido liiiindo por SÓ R$40!

Esse comecinho de mês vendi uma Melissa Spikes vermelha que estava abandonada no meu armário e ontem foi arrasar pelas ruas de Campinas… Mas como em todo lugar, tem gente honesta e gente esperta, por isso é preciso tomar alguns cuidados: fique atenta ao preço praticado e desconfie do que estiver absurdamente barato, evite transferir dinheiro antes e SEMPRE confira a mercadoria antes de ir embora. Todos os dias a gente vê nos grupos pessoas que, na pressa não conferiram a condição das peças, e ao chegar em casa se depararam com roupas rasgadas, manchadas e/ou desbotadas.

Mas tomando todas as medidas de precaução, comprar de segunda mão é um ótimo negócio! Procure os grupos de compra e venda da sua região e também o Marketplace do próprio Facebook, que é um grande classificado com diversas opções de produtos para todos os gostos e bolsos. E vamos garimpar!

Lupita Gata Negra

Que Pantera Negra é um sucesso, todo mundo já sabe. Que o filme tem uma importância gigante para homens e mulheres negros também já sabemos. Mas além de tudo isso, o filme ainda está trazendo um show de aparições de Lupita Nyong’o nas premieres mundo a fora, olha só:

Sempre linda, sempre elegante e sempre dando um show de simpatia!

Mas nem só de Lupita viveram os red carpets de Pantera Negra! Teve Danai Gurira, Angela Basset, Letitia Wright…

Na Cozinha | Mousse de Maracujá

É o tipo de sobremesa salvadora quando você está recebendo alguém em casa, quando precisa levar algo para o trabalho ou mesmo quando dá aquela vontade louca de comer um doce gostoso. Essa receita é básica, quase intuitiva. Mas mesmo assim quis trazer pra vocês, porque é uma delícia!

ingredientes:

1 lata de leite condensado
a mesma medida da lata de suco de maracujá
2 caixinhas de creme de leite

bata todos os ingredientes no liquidificador e leve para gelar.
obs.: você pode acrescentar 1 envelope de gelatina sem sabor hidratada a receita para deixar a mousse mais firme.